Páginas

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

A vez das Magrelas

Quando criança e também na adolescência eu era “xonado” por uma bicicleta ou biscreta, adorava pedalar e me escalavrar por estradas, ruas, cercas, muros etc. Hoje, 22 de setembro li algumas matérias que no Rio, Beagá, São Paulo acontecia em vários pontos destas mobilizações de conscientização e incentivo para diminuir o uso de automóveis, tal evento é utilizada a magrela como meio de transporte, comemorando o Dia Mundial Sem Carro. O Dia Mundial Sem Carro, é um movimento que iniciou-se na Europa, no finalzinho do século 20, se espalhando pelo mundo difundindo o blá blá blá citado acima, meios de transporte sustentáveis, redução da poluição, tanto em grandes centros urbanos, como em rodovias. Quem vai pra Beagá no final de semana, sabe muito bem o inferno que é quando se aproxima de Ravena, Caeté por ali, inicia-se um engarrafamento dos diabos!Como não é novidade pra ninguém que japoneses, coreanos e todos que tem o zóim puxado e exprimido são tentados. A empresa Huashi Parking Equipment, conforme -http://economia.ig.com.br/empresas/infraestrutura/empresa+chinesa+cria+onibus+que+ajuda+a+diminuir+o+transito/n1237751676070.html- começou na China um projeto piloto de um veículo que promete diminuir até 30% os congestionamentos das cidades.



Com o nome de batismo de “Ônibus Expresso 3D, é a fusão do buzão e um trem que se move sobre trilhos, com seus quatro metros de altura e seis de largura, tem capacidade de transportar até 1,4 mil passageiros (o cobrador tá fudido), a uma velocidade máxima de 40 km/h, sendo considerado ambientalmente correto também, pois é movido a energia solar. A primeira cria, começará a circular em Mentougou – Pequim – em 2011. Aí teremos que fazer figuinhas e aguardar a fabricação destes troços/trem aqui. Agradeço o Aécio pela matéria enviada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails