Páginas

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Nunca diga morra
O Ozzy é mesmo o Ozzy!
Acho que ele deve ter levado muito a sério o titulo da “Never say die”, quando agraciava com sua voz meio fanhosa os vocais do Sabbath.
Enquanto a Foxcon, fábrica que produz IPhones computadores HP na Ásia, contratou 100 conselheiros, e até monges budistas, para brecar a onda de suicídios dos peões que trampam lá, o “Príncipe das Trevas” não quer morrer.
A imprensa noticiou que ele quer doar seu corpo para o Museu de História Nacional – tudo haver com ele. Basta saber se o museu vai querer o corpo dele, pois, uma vida de bebedeira, drogas ao ponto de cheirar até formiga, morder em morcego etc. não deve tá lá estas coisas!
Mas como ele mesmo disse o fato de ele ainda estar vivo é um milagre médico, talvez por isto pretenda compensar a ciência com seu futuro cadáver.
O massa é que ainda aparecem uns fé-da-puta que o criticam dizendo que ele é adorador do diabo e outras palhaçadas. Destes prosas deveriam ser arrancados seus órgãos ao invés de ficarem com bobeiras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails